sexta-feira, 1 de janeiro de 2010

Cachorro esperto

No avião, um sujeito está sentado na poltrona da janela quando chega outro e senta na poltrona do corredor, e acomoda um labrador preto na poltrona do meio. O cara que está sentado do lado da janela olha para o cachorro e pergunta:
- Porque permitiram embarcar com esse cachorro?

O dono do cachorro explicou que era agente do esquadrão de combate às drogas e que o cachorro era o melhor farejador da equipe. O animal chama-se Valente e que, se ele tivesse interesse, quando o avião decolasse, ele mostraria as habilidades do animal, colocando-o para trabalhar em pleno voo.
Quando o avião decolou, o agente ordenou para Valente:
- Busca!

Valente pulou da poltrona, andou pelo corredor e sentou determinado ao lado de uma mulher por alguns instantes. Voltou para o seu assento e colocou uma pata no braço do agente.
- Bom menino!

Virou para o outro passageiro e falou:
- A mulher está carregando maconha, vou anotar o assento dela e as autoridades irão prendê-la quando aterrissarmos. Ele não é maravilhoso? Mas ainda não acabou. Busca!

Valente saiu novamente pelo corredor e sentou ao lado de um homem durante alguns segundos. Retornou ao seu assento e colocou duas patas no braço do agente.
O agente:
- Aquele homem está de posse de cocaína, vou anotar seu assento e comunicarei às autoridades para as devidas providências.

O cara da janela estava maravilhado com o cachorro e o agente mais uma vez ordenou Valente que fizesse nova busca.
Valente saiu pelo corredor, sentou por alguns instantes e voltou correndo para sua poltrona. Deu um uivo agudo e começou a fazer cocô por todo o assento.

O cara da janela estava realmente espantado com o comportamento do animal e ficou sem entender como e porque um animal tão bem treinado estava se comportando daquela maneira.
- O que aconteceu com ele?

E o agente, sem conseguir disfarçar o nervosismo:
- Ele acabou de encontrar uma bomba.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...